Integrantes do bloco acreditam na viabilidade de Aguinaldo Ribeiro; Daniella admite possibilidade

Segundo informações do Jornal Correio Brasiliense, o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro (PP) tem sido sondado a topar entrar na disputa para o Governo da Paraíba em 2014 pela cúpula nacional do Partido dos Trabalhadores e pela presidenta Dilma Rousseff (PT).

Vários integrantes do ‘blocão’ representado por PT, PP e PSC comentaram o assunto nesta terça-feira, 15. Um deles foi o deputado estadual Carlos Batinga (PSC). O deputado revelou que apesar de defender expressamente o nome do ex-senador Wilson Santiago (PTB) como a alternativa mais viável para encabeçar a terceira via, vê com bons olhos o nome do ministro Aguinaldo Ribeiro. ""

Batinga espera que até o final de 2013 o ‘blocão’ defina o nome do seu pré-candidato.

“Defendo que essa questão do nome seja resolvida até o final deste ano. Não podemos esperar mais. Se continuarmos como estamos, não vamos pontuar em nenhuma pesquisa”, alertou.

Ainda segundo o parlamentar, a dificuldade para se chegar ao nome reside no fato dos três partidos que formam o bloco estarem aguardando as definições do PTB e do PEN para baterem o martelo.

“Caso o PTB e o PEN não queiram decidir o seu destino agora, temos o dever de definir o nosso. Precisamos urgentemente escolher um nome para entrar no debate pré-eleitoral e ser testado nas pesquisas para governador”, declarou o monteirense.

 

"" Já o vereador de João Pessoa, Benilton Lucena (PT) acha que Aguinaldo Ribeiro é um grande nome e afirma que há muitas figuras de peso na oposição paraibana que poderão disputar o cargo de governador do Estado.

“Temos muitos nomes no bloco que serão postos para análise após o Partido dos Trabalhadores finalizar o processo de eleição interna”.

Ainda de acordo com Benilton, “após a escolha do novo presidente do PT, os filiados marcarão uma reunião para discutir composição de chapa para 2014”. 

 

Quem também comentou o assunto foi a deputada estadual Daniella Ribeiro (PP). ""

Ela declarou que a candidatura de Aguinaldo é possível, mas ponderou que esse não é o projeto pessoal do irmão:

“A candidatura de Aguinaldo é possível, mas o projeto pessoal dele não é esse. Ele tende a priorizar a sua reeleição para deputado federal. Mas, se houver um chamamento para que ele dispute e crie um palanque para a presidenta Dilma Rousseff, isso pode acontecer, representando uma alternativa do blocão”, revelou Daniella.

Ytalo Kubitschek

PB Agora
 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Especialista revela como partidos podem diminuir o desinteresse dos jovens pela politica

Que é de suma importância à renovação política no Brasil, todos brasileiros já concordam. Entretanto, quando tratamos do assunto, devemos nos basear em uma premissa fundamental para que se efetive…

Morre aos 62 anos a jornalista e colunista Lena Guimarães

Morreu, nesta segunda-feira (18), em João Pessoa, a jornalista e colunista do Jornal CORREIO, Lena Guimarães, aos 62 anos. Ela estava internada em um hospital particular e foi vítima de…