Pré candidato a prefeito de Campina Grande, o deputado estadual Manoel Ludgério (PSD) considerou como inócuas e inoportunas a trocas de farpas entre os aliados Tovar Correia Lima (PSDB) e Bruno Cunha Lima (Sem partido) que também pleiteiam disputar a PMCG em 2020. Os dois políticos aliados do prefeito Romero Rodrigues (PSD), tem travado uma disputa interna pela indicação para concorrer a prefeitura de Campina Grande em 2020.

Para Ludgério, a “briga” interna de Bruno e Tovar, não soma e pode desagregar o grupo político liderado por Romero, e ainda favorecer os adversários no pleito que se avizinha.

– Não soma nada para nosso agrupamento político, porque nós temos que ter como adversário quem está do outro lado e aqui temos que ter um diálogo para somar – disse.

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Julian não assinou lista que alçava filho de Bolsonaro à liderança do PSL

Os áudios polêmicos do deputado federal Julian Lemos e de Jair Bolsonaro, amplamente divulgados na imprensa, além da informação de que o presidente teria uam ‘lista negra’ de traidores e…

Barbosa minimiza possibilidade de mais deputados da base serem citados na Calvário

Após a deputada estadual Estela Bezerra (PSB) ser citada na Operação Calvário e ter colocado seus sigilos bancário, patrimonial e telefônico à disposição da Justiça, para que, segundo ela, tudo…