A Paraíba o tempo todo  |

Decisão de se licenciar do Senado foi de Maranhão em diálogo com sua esposa

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A decisão do senador José Maranhão (MDB) de se licenciar do Senado para tratar da saúde, foi conjuntura do próprio senador ,em diálogo com sua esposa. Pelo menos é o que revelou pessoas próximas do senador paraibano.

José Maranhão que se encontra internado no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo-SP, teria expressado esta posição em conversa com sua esposa, a desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti, por considera-la mais adequada para sua recuperação.

O senador José Maranhão de 87 anos, pediu licença médica de 120 dias, conforme informou a assessoria de comunicação do paraibano nesta sexta-feira (8). Maranhão está internado em um hospital de São Paulo, desde o dia 3 de dezembro, tratando uma insuficiência respiratória causada pela Covid-19.

De acordo com o último boletim médico, também divulgado pela assessoria de comunicação do político, o estado de saúde dele estável, mas delicado. No entanto, ainda não há previsão de alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Com a licença médica do senador, quem assumirá temporariamente a vaga no Senado será Nilda Gondim (MDB). Ela foi deputada federal entre os anos de 2011 e 2015 e presidente regional do partido, em Campina Grande.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      184
      Compartilhe