Por pbagora.com.br

Após ser eleito presidente da Câmara Municipal de Campina Grande quase à unanimidade e revelar a intenção de renunciar ao posto em 2022 para abrir espaço para vereadora Eva Gouveia (PSD) assumir o comando da Casa, o vereador Marinaldo Cardoso (Republicanos) não esconde de ninguém o sonho de seguir os mesmos passos de outros colegas que obtiveram êxito no âmbito estadual, a exemplo de Bruno Cunha Lima (PSD), Tovar Correia (PSD) e Veneziano que também passaram pela Casa Félix Araújo.

A meta de Marinaldo fica na Praça dos Três Poderes, em João Pessoa – A Assembleia Legislativa da Paraíba.

Ele ressaltou, durante entrevista a um radiofônico em Campina Grande, nesta quinta-feira (18) que o foco, neste momento, é administrativo, mas ressaltou que existem sim articulações para a disputa estadual do próximo ano.

“Eu estou muito focado na administração da Câmara Municipal, mas já existem acenos de eleitores, de amigos, para que eu já comece a pensar em me lançar a deputado estadual”, disse.

De acordo com ele, como o ditado popular desenha, “o amanhã a Deus pertence”, no entanto, ele revelou que desde a eleição passada o partido já acenava para que ele tentasse uma candidatura como deputado.

“Para que eu seja candidato, vou depender de Campina e do compartimento aqui. Então, é preciso que se trabalhe”, ponderou.

 

Redação

Notícias relacionadas

Opinião: Cícero e João afinados contra covid no barco da vida

A história humana é o conjunto de teias que se entrelaçam, colocando todos os seres humanos em uma mesma nau. A tal embarcação atende pelo nome de Terra que, similar…

Galdino defende responsabilização de Bolsonaro por agravamento da pandemia

O presidente do Poder Legislativo paraibano, Adriano Galdino, defendeu, em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira (23), que o presidente da República deveria ser punido por sua falta de ação efetiva…