Foi confirmado pelo deputado Bruno Cunha Lima (PSDB), próximo líder da oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, a intenção de trazer o suplente Aníbal Marcolino, do PEN, para o mandato na Assembleia Legislativa da Paraíba.

Mas, para a articulação ocorrer, alguém terá que ceder a cadeira.

Três parlamentares se enquadram nessa linha (Daniella Riberio (PP), Jullys Roberto (PMDB), Ricardo Marcelo (PMDB) e Camila Toscano (PSDB)) mas, até agora nenhum se manifestou apto a deixar o mandato em pleno ano pré-eleitoral.

A reportagem do PB Agora entrou em contato com a assessoria da deputada Daniella Ribeiro para saber se a parlamentar cogitaria abrir vaga para o suplente Aníbal Marcolino assumir, mas ela evitou falar no assunto e chegou, até mesmo, a dizer que não tinha conhecimento da articulação.

“Essa conversa não chegou até mim”, pontuou.

A deputada Camila Toscano (PSDB) também descartou a possibilidade de se licenciar do cargo. Ela afirmou que “é uma decisão muito pessoal, não é uma bancada que vai decidir sobre o pedido de licença”.

Em entrevista à imprensa, no entanto, Bruno disse que nos próximos dias haverá uma rodada de conversas com a oposição justamente para viabilizar a chegada do suplente.

“Deve haver nos próximos dias uma nova rodada de conversas para possibilitar a vinda do deputado Aníbal Marcolino aqui para a Casa. Aníbal não logrou êxito no processo de reeleição mas tem um trabalho reconhecido em sua vida pública que o cacifa como um dos deputados mais combativos e mais atuantes aqui da Assembleia Legislativa” disse.



Márcia Dias
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

DEU NA VEJA: Investigações de corrupção contra RC avançam

A coluna Radar da publicação online da Revista Veja deste sábado, dia 30, traz a informação de que as investigações, no âmbito da Operação Calvário, contra o ex-governador da Paraíba,…

Cícero cobra a Cartaxo isonomia para profissionais da saúde, em João Pessoa

O ex-senador Cícero Lucena, do PP, foi um dos políticos que se posicionaram contrário, nos últimos dias, a discriminação adotada pela prefeitura de João Pessoa ao conceder uma gratificação aos…