Integrante da base que faz oposição ao prefeito Romero Rodrigues (PSD) na Câmara Municipal de Campina Grande, o vereador Galego do Leite (Podemos) garantiu, nesta sexta-feira (29), que a saída do vereador Anderson Maia (PSB) do grupo ligado ao governador João Azevedo (PSB), não vai interferir no funcionamento da oposição na Câmara Municipal de Campina Grande.

Galego do Leite, que é presidente estadual do Podemos, destacou que os vereadores oposicionistas não possuem ligação com o governo do Estado e frisou, em entrevista à Rádio Caturité FM, que o fato não é determinante.

Anderson Maia deixou de apoiar o governo socialista após a saída do ex secretário Fábio Maia do Palácio da Redenção.

– Eu acredito que a oposição aqui na Câmara, de 2013 para cá, não é ligada ao governo do Estado. A oposição aqui é feita no município. Não vejo esse fato determinante. Acho que no município há a possibilidade de haver uma bancada e partindo para o Estado é outra questão – disse.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sob o comando de Pedro Cunha Lima, PSDB fica sem representante na CMCG

O presidente do PSDB paraibano, deputado federal Pedro Cunha Lima que também é filho do ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB), parece não ter o mesmo poder de persuasão do pai…

Efraim quer desburocratização de créditos e proteção de empregos e empresas

A bancada do Democratas esteve reunida em conferência virtual com o ministro Paulo Guedes, da Economia. Durante três horas, foi feita uma profunda avaliação do cenário econômico do Brasil, as…