Por pbagora.com.br

Atual secretário de Turismo e do Desenvolvimento Econômico da Paraíba, vice-prefeito de Sousa, Zenildo Oliveira (PSD) foi o primeiro líder político a sair em defesa do prefeito Fábio Tyrone (PSB) após as acusações de agressão contra a advogada Myriam Gadelha, com quem o Tyrone mantinha um relacionamento amoroso. 

Para Zenildo, a briga de casal não deveria ser tema dos noticiários políticos e deve ser resolvido no Judiciário entre as partes envolvidas sem sensacionalismo. 

"É preciso separar. O CPF de Fábio Tyrone como cidadão, que pode ter cometido uma infração, do seu trabalho exemplar como prefeito de Sousa. A vida pública de Fábio é limpa. Estão tentando atacá-lo politicamente com esse episódio porque não podem comparar a nossa gestão com a deles", afirmou. 

Ainda conforme Zenildo, o prefeito reconheceu que errou e o Poder Judiciário é quem dará o veredito. 

"Além de um prefeito honesto, Fábio é um homem de bem, bom pai de família, um empreendedor que sempre gerou empregos e nada disso está sendo levado em consideração porque tentam escandalizar o assunto como uma tentativa de desgastar a nossa gestão. Ninguém tem o direito de condená-lo por antecipação antes que o processo seja transitado", enfatizou. 

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Notícias relacionadas

Covid-19: Damião apresenta melhora e deixa UTI do Sírio Libanês, em Brasília

O deputado federal Damião Feliciano, do PDT, que está internado há uma semana em tratamento contra a Covid-19 apresentou melhora e deixou a UTI do Hospital Sírio Libanês, em Brasília,…

Câmara de João Pessoa define composição de comissões permanentes

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) definiu a composição das comissões permanentes da Casa por meio do Ato da Mesa Diretora nº 3. A escolha dos integrantes foi realizada de…