Em uma só canetada, o prefeito da cidade de Serra Grande, município localizado no Sertão da Paraíba, exonerou todos os cargos comissionados e contratados da administração municípal. O caso aconteceu nesta segunda-feira (15), mesmo dia em que é comemorado o Dia do Professor. 

A decisão não se aplica a Secretários Municipais, Chefe de Gabinete, Assessor Jurídico, Tesoureiro; servidores dos programas específicos do governo federal (SAMU e NASF), assim como também, Enfermeiros e Técnicos em Enfermagem.

Segundo o gestor, a decisão, divulgada hoje no Diário Oficial dos Municípios da Paraíba atende a uma determinação do Ministério Público da Paraíba  no sentido de reduzir quantitativo de cargos de provimento em comissão. Também foi alegado que a Prefeitura Serra Grande encontra-se “próximo do índice prudencial no que toca a Gestão de Pessoal prevista na Lei de Responsabilidade Fiscal”. Confira a decisão aqui.

Ainda foram listados outros motivos para a decisão, tais como o cenário econômico nacional, o interesse público, visar melhor adequar essas situações à realidade econômico-financeira do município, entre outras.

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Governador destina R$ 16,1 milhões para ações contra o Coronavírus, na PB

Um decreto publicado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (8) disciplina a destinação de R$ 16,1 milhões do Estado para o enfrentamento do novo Coronavírus. O documento destina, por…

“Enxergam um herói, eu vejo um golpista”, diz Jackson sobre Mandetta

Enquanto as pesquisas apontam que a população brasileira aprova o trabalho do ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta a frente do combate à pandemia do coronavírus, o presidente estadual do…