Por pbagora.com.br

Candidato que fizer analise de pesquisa neste momento é irresponsável, diz diretor de instituto

Pesquisa é retrato do momento e pode mudar de uma hora para outra no período eleitoral, como acontece com movimento das nuvens. Pelo menos essa é a leitura que fez Bruno Souza Lopes, diretor do Instituto Souza Lopes.

O Instituto de Bruno Souza Lopes realizou recentemente pesquisas na Paraíba, apontando os primeiros números da preferência momentânea do eleitor, na corrida pelo Palácio da Redenção.

Para Bruno Souza, o candidato seja a cargo público que fizer analise neste momento sobre pesquisas é no mínimo irresponsável, pois o número apresentado hoje pode mudar completamente amanhã.

“Nesse momento, fazer uma análise do quadro para revelar o resultado da eleição é uma atitude completamente irresponsável. O número que está aí, amanhã pode mudar totalmente. Na hora que começar a campanha para valer, o eleitor pode reformular sua forma de pensar”, explica o coordenador da última pesquisa divulgada esta semana na Paraíba.

Ainda segundo Bruno, um dado revelador da pesquisa é que, espontaneamente, mais de 35% dos eleitores declararam que ainda não sabem em quem vão votar para governador.

PB Agora

Notícias relacionadas

2021 terá edição do maior São João do Mundo, em CG, só que de forma virtual

O ano de 2021 terá mais uma edição do maior São João do Mundo, em Campina Grande, na Paraíba. A festa, no entanto, terá adaptações por conta da pandemia do…

Sem unidade, esquerda pode ficar fora do 2º turno em 2022

O presidente estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, Jackson Macedo, disse em entrevista a imprensa que os partidos do chamado campo democrático podem ficar de fora de um possível…