Uma videoconferência realizada na manhã desta sexta-feira (03), com a participação de entidades representativas do comércio e de serviços, Ministério Público, Secretaria de Estado da Saúde e Prefeitura Municipal de Campina Grande definiu que o comércio de Campina Grande deverá continuar fechado como medida de prevenção à proliferação do novo coronavírus.

A expectativa era para que a cartilha de retomada da economia, apresentada no encontro anterior pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SEDE) e que previa a reabertura do comércio no próximo dia 06 de abril (segunda-feira) fosse seguida pelos líderes empresariais, porém, após mais de duas horas de discussão ficou decidido que as lojas do comércio de Campina Grande deverão permanecer fechadas por pelo menos mais uma semana.

Tomando como exemplo o número expressivo de pessoas nas ruas do Centro da cidade, fato comprovado por um vídeo apresentado durante a videoconferência, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) apresentou sua posição oficial pela reabertura gradual das lojas seguindo a sugestão da cartilha defendida pela SEDE, desde que seja adotada uma análise constante do cenário para reavaliar o funcionamento das lojas. Ou seja, caso seja identificado o avanço da COVID-19 o comércio voltaria a ser fechado.

Uma nova videoconferência inicialmente agendada para acontecer no próximo sábado (11) para definir se a reabertura das lojas deve acontecer no dia 13 de abril, como previsto inicialmente em decreto, ou se a medida deverá ser estendida.

Entidades que participaram da reunião: CDL, Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Secretaria de Estado da Saúde, ACCG, FACE, FIEP, Sinduscon, SECOVI, SINTAB, Conselho Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Saúde, Sindicato dos Comerciários, SindCampina, SITRANS, PROCON, STTP e Prefeitura Municipal de Campina Grande.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Galdino confirma articulação para derrubar veto sobre desconto em mensalidades escolares

Após a informação de que o Governo da Paraíba pretende vetar o Projeto de Lei 1.696/2020 que trata da redução das mensalidades de escolas e universidades privadas, enquanto as aulas…

Sogro e genro são mortos a tiros durante discussão em Bayeux

No final da manhã desta quarta-feira (27), dois homens foram assassinado com vários tiros, na comunidade conhecida como “Matadouro”, no bairro do Sesi, em Bayeux. De acordo com informações policiais,…