A Paraíba o tempo todo  |

“Burguesia deu tiro no pé”, diz petista sobre Governo Temer

Petista de carteirinha, o deputado estadual Frei Anastácio (PT-PB) soltou o verbo nesse final de semana para condenar o silêncio dos apoiadores do impeachment diante da arbitrariedades adotadas pelo Governo Temer, que tachou de “imbecil”.

Anastácio disse que não existe nenhum homem de moral na composição atual que comanda o país e que as indicações e nomeações foram realizadas apenas para satisfazer a burguesia, ignorando a classe trabalhadora e as conquistas das minorias.

“Você ouvir o PMDB, o PSDB, os partidos que estão a frente a derrubada da presidente. A burguesia está aí. Nesse país isso aconteceu com Getúlio Vargas, com Juscelino, com Jango, com as grandes lideranças desse país, a burguesia sempre tomando o poder e aí agora é um quarta realidade e nós vamos ter que enfrentar. Não tenho dúvidas que o povo irá para as ruas vai reivindicar, porque esse projeto que está em vigência, está fichado. Não tem nenhum homem de moral dentro dele, todos estão na lava jato, estão fichados”, disparou.

Anastácio também lamentou a demora no julgamento da cassação de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que diferente de Dilma, virou réu em ação penal e ainda mentiu sobre existência de contas bancárias em paraísos fiscais.

“Porque o processo de Cunha não vai para frente? Não vai porque a montagem é bem feita para tomar o governo e essas oligarquias assumirem para se beneficiar, como já está. Está aí o pré-sal já está sendo negociado. Essa é uma situação que ninguém aguenta. Tem que haver alguma coisa porque esse governo não se sustenta, não tem moral, é um imbecil. Por que a classe política e a burguesia está parada? Porque sabe o tiro no pé que deram”, arrematou.

No próximo dia 25 o processo de impeachment da presidente Dilma começa a ser julgado. Anastácio acredita que o quadro é irreversível, mas ressalta que o país deve voltar as ruas pois não irá engolir o governo Temer por muito tempo.

 

Márcia Dias

PB Agora

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe