A crise pela qual atravessa o PSB tem deixado os socialistas preocupados com o futuro do projeto iniciado pela legenda na administração da Paraíba. O deputado estadual Buba Germano ressaltou que só as pessoas que deram início a tempestade na sigla poderão dar fim às nuvens carregadas que estão sobre o partido, que são João Azevêdo e Ricardo Coutinho.

Para Buba, um diálogo entre os dois e o presidente nacional do PSB poderia trazer tranqüilidade ao partido que governado a Paraíba pelo 9º ano e que deve disputar a PMJP em 2020. “Não vejo nenhum problema que não possa ser solucionado com eles dois. Só tem uma maneira: são eles dois chamarem o Siqueira Campos, e criarem uma alternativa para que a gente faça essa travessia das eleições municipais”, argumentou Buba.

Buba tratou com naturalidade os debates internos nos partidos e ressaltou que todas as siglas são passíveis de erros estratégicos. “Não vejo nada grave que não possam, essas duas pessoas [João Azevêdo e Ricardo Coutinho] darem um passo atrás pensando na construção das eleições de 2020”, concluiu Buba.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Eduardo Carneiro defende PL que torna carne de sol de Picuí patrimônio imaterial

O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) vai recorrer da decisão da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) que considerou o projeto de Lei…

Já são três os secretários de Romero que miram disputa pela PMCG

A disputa eleitoral da Prefeitura Municipal de Campina Grande em 2020 deve dividir a base do prefeito Romero Rodrigues (PSD). Pelo menos três secretários de Romero garantem que são pré…