Por pbagora.com.br

O vereador Bruno Farias (PPS) subiu à tribuna da Câmara Municipal de João Pessoa na manhã desta quarta-feira (22) para denunciar possível irregularidade na nomeação do engenheiro civil Iramir Barreto Paes para presidência da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba (CDRM-PB).
 

Segundo ele, a legislação que implantou o órgão estabelece que o cargo só poderia ser preenchido por engenheiros de Minas ou geólogos.

O vereador disse que foi procurado por representantes das duas categorias para denunciar o caso. Ele fez um apelo para que o governador Maranhão pudesse rever a nomeação do engenheiro civil em nome da lei e admitiu acionar o Ministério Público caso o assunto não for resolvido.

PB Agora

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano critica fechamento de agências do BB e destaca prejuízos para a população em plena pandemia

O senador Veneziano Vital do Rego (MDB-PB) criticou o anúncio feito pelo Governo Federal, por meio do Banco do Brasil, na última segunda-feira (11/01), informando ao mercado que a instituição…

Presidente do Podemos-PB é nomeado secretário pelo governador João Azevêdo

O ex-vereador de Campina Grande, Joseildo Alves, o Galego do Leite (Podemos), foi nomeado pelo governador João Azevêdo como secretário executivo de Articulação Municipal do Estado. Galego é presidente estadual…