A base do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD) terá muito que dialogar até que encontre um consenso em torno do nome para suceder o gestor no Executivo Municipal. O deputado estadual Tovar e o ex-deputado Bruno Cunha Lima compõem o quadro de nomes à disposição e a espera do apoio do prefeito.

Bruno Cunha Lima anunciou em entrevista que sua filiação à sigla de Romero é um indicativo da decisão que deverá ter tomada pelo grupo da situação em Campina Grande. Bruno disse que o anúncio da candidatura da base será resultado do diálogo de todo o grupo que atua ao lado de Romero, a exemplo de líderes do PP, PSC, PSDB.

– Antes de falarmos sobre definição de candidatura, é necessário falar de definição de partido. Porque uma coisa passa, necessariamente, pela outra. Ainda nos meses de março e abril, quando a lei eleitoral apontava pra uma data limite de definição de partidos, conversando com o prefeito Romero, nos foi feito o convite para nos filiarmos ao PSD. Eu atendi. E isso, claro, já é um forte indicativo público das conversas que vêm sendo feitas nos bastidores.

Bruno revelou ainda que o ex-senador Cássio Cunha Lima, não só estaria inserido nos diálogos, como participando de forma ativa nas tomadas de decisões. Mesmo com toda conjectura de “bastidores, como bem disse o ex-deputado, o momento, segundo ele, não é o ideal para tratar de campanha, disse referindo à pandemia do novo coronavírus.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Romero admite cancelar o São João 2020: “Vamos privilegiar a vida e não a festa”

Em entrevista ontem (30), por meio das redes sociais ao canal “Sem Filtro”, no YouTube o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues, admitiu pela primeira vez a possibilidade do cancelamento…

João Almeida ironiza tese de aliança SD/PSDB em João Pessoa

Mesmo ainda não tendo recebido o apoio formal da sua sigla na Paraíba a sua intenção de disputar a prefeitura de João Pessoa nestas eleições o vereador e dito pré-candidato…