O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), encerra o mandato à frente da gestão municipal em 31 de dezembro de 2020, daqui a pouco mais de um ano. As eleições para escolha do sucessor, no entanto, acontecem três meses antes, mas, até agora, não há nenhum nome do lado da situação que desponte como favorito ao posto. Questionado sobre essa escolha o secretário de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) de João Pessoa, Zennedy Bezerra, considerado o braço direito do gestor disse que esse assunto está fora da pauta dentro do grupo.

Cotado como um dos nomes para sucessão de Luciano Cartaxo, Zennedy Bezerra, disse a reportagem que a recomendação do prefeito é só tratar das eleições de 2020 em 2020. “Por enquanto, esse é um assunto fora da pauta”.

A preço de hoje, o prefeito também não demonstra preferências, e tem deixado ‘o jogo seguir’ sem interferências. Do seu partido, o PV, não há – até agora – nenhum filiado que figure com força para disputar o cargo.

Nos bastidores os nomes que ainda são citados são os dos secretários Zennedy Bezerra, que disputou e perdeu as eleições em 2018, e o do secretário Diego Tavares, que conseguiu, no pleito estadual passado, ser eleito suplente da senadora Daniella Ribeiro.

Na Câmara, os nomes dos vereadores Marcos Vinícius (PSDB) e do líder Milanez Neto (PTB) também são cogitados, mas ainda sem uma militância que respalde, tendo em vista no caso de Milanez o PTB integrar a base de sustentação do PSB estadual. Nem mesmo o nome do vice, Manoel Júnior (SD), é citado por Cartaxo.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Já são três os secretários de Romero que miram disputa pela PMCG em 2020

A disputa eleitoral da Prefeitura Municipal de Campina Grande em 2020 deve dividir a base do prefeito Romero Rodrigues (PSD). Pelo menos três secretários de Romero garantem que são pré…

Julian Lemos revela que filhos de Bolsonaro podem inviabilizar o governo

Na entrevista à Jovem Pan, na noite desta segunda-feira, o deputado federal e presidente estadual do PSL-PB Julian Lemos disse que a guerra no PSL é um grande problema para…