A Paraíba o tempo todo  |

Bolsonarista joga gasolina após faísca gerada de embate entre PMJP e Estado, mas dá com os burros n’água

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Uma das características do bolsonarismo é o oportunismo. Sob esta premissa, o deputado estadual e presidente do Patriota da Paraíba (novo partido do presidente Jair Bolsonaro), Wallber Virgolino, viu uma oportunidade para tentar fragmentar o governo e soltou gasolina na faísca que se gerou após um desentendimento sobre a distribuição de vacinas entre a Prefeitura de João Pessoa e Governo do Estado.

Conseguindo a façanha de se solidarizar com o secretário de João Pessoa, Fábio Rocha, ao mesmo tempo em que ataca a gestão de Cícero Lucena, afirmando que ela prometeu o que não poderia cumprir: de abaixar a idade do público de vacinação para pessoas com mais de 40 anos (e está cumprindo), Wallber tentou aumentar a crise, que já está controlada – após a Secretaria Estadual de Saúde agilizar a checagem e distribuição das doses e permitir com que o cronograma da capital fosse executado sem demais percalços e sem privilegiar município A em detrimento de B, que é um princípio inegociável do secretário do Estado de Saúde, Geraldo Medeiros.

Wallber atirou ainda contra o Governo do Estado sugerindo, completamente sem provas (outra prática contumaz do bolsonarismo) que a gestão de João Azevêdo estaria “escondendo” vacinas – justamente no período em que os governadores e prefeitos fazem esforços hercúleos para vacinar a população adulta o mais rápido possível pois avançar na imunização e, consequentemente, salvar vidas e reabrir o comércio com segurança virou sinônimo de popularidade. Faz sentido alguém esconder vacina? Absolutamente não.

Com a sua metralhadora giratória, apontou ainda para o Ministério Público e o Tribunal de Contas, acusando os órgãos de estarem alheio ao suposto esquema que só existe na cabeça do parlamentar. O MP e o TCE, assim como o TSE fez com Bolsonaro sobre a balela da fraude na eleição em que ele mesmo foi vencedor, deveriam intimar o deputado a apresentar provas sobre os absurdos que profere.

Feliphe Rojas

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe