O governador João Azevêdo (Cidadania) declarou na tarde desta quinta-feira (21), logo após a reunião com o presidente Jair Bolsonaro e demais governadores do Brasil, que com relação ao auxílio do governo federal aos estados, a pauta avançou.

De acordo com o chefe do executivo estadual, a reunião foi objetiva e proveitosa.

João ainda destacou a celeridade com que o projeto que destinará R$ 60 bilhões de auxílio para manter o equilíbrio de estados e municípios será aprovado.

“Foi uma reunião proveitosa, objetiva. O presidente informou que irá vetar o artigo que previa aumento para funcionários até dezembro de 2021. Os governadores solicitaram que fosse sancionada rapidamente e que a primeira parcela fosse liberada ainda em maio. Acho que avançamos” pontuou.

PB Agora

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Senado também aprova uso de leitos privados por pacientes do SUS

O pioneirismo da lei 11.686/2020, de autoria do deputado Wilson Filho (PTB), que permite ao Governo do Estado internar pacientes do SUS com coronavírus e suspeita de infecção pelo vírus…

Vídeo: em pronunciamento polêmico, filho do presidente diz que haverá “ruptura institucional” no Brasil

Em live intitulada Nunca deixe um ditador calar a sua voz e organizada pelo blogueiro Allan dos Santos — que foi um dos alvos da operação contra fake news —,…