Após travar uma verdadeira batalha com o suplente Zezinho Botafogo, que desde o início do ano assumiu uma cadeira na Câmara Municipal de João Pessoa, o também suplente Renato Martins deverá ascender à CMJP por outro caminho.

É que o vereador Tanilson Soares (PSB) deu entrada em um pedido de licença para tratar de assuntos particulares e com isso, abre o espaço para o retorno de Renato à Casa de Napoleão Laureano.

No início do ano, Renato já havia tentado retornar à CMJP alegando que Zezinho não poderia assumir a cadeira deixada por Tibério Limeira que ingressou nos quadros do governo de João Azevêdo.

A alegação de Renato era de que o nome de Zezinho Botafogo estava ligado à investigações no âmbito da Operação Cartola.

Sem êxito na primeira empreitada, Renato agora ocupará por 120 dias a vaga deixada por Tanilson.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Tréplica: em nota, associação do MP repudia declarações de RC contra entidade

A Associação Paraibana do Ministério Público (APMP) divulgou, nesta segunda-feira (25), nota de repúdio para rebater as declarações do ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), em ‘live’ pelas redes sociais…

Cícero não descarta disputar PMJP, mas alerta que momento não é para discutir política

O ex-senador Cícero Lucena, que já geriu a cidade de João Pessoa, não descarta a possibilidade de participar da disputa nas Eleições 2020. Fora da vida política há alguns anos,…