Por pbagora.com.br

Após afastar o prefeito do município de Patos, Dinaldinho Wanderley, nesta terça-feira (14), a Justiça determinou que a Câmara dos Vereadores do município emposse o vice-prefeito. 

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) denunciou 13 investigados na 'Operação Cidade Luz', deflagrada no último dia 2, entre eles o prefeito do Município de Patos, Dinaldo Medeiros Wanderley Filho. Os integrantes do grupo estão sendo processados por crimes de organização criminosa, corrupção ativa e passiva, desvio de recursos públicos, fraude em licitação e lavagem de capitais. 

Leia também:
MPPB denuncia 13 investigados e Justiça afasta prefeito de Patos

De acordo com a decisão judicial, o juiz Carlos Eduardo Leite Lisboa comunicou a Câmara da suspenção de Dinaldinho de suas funções públicas e determinou que a presidência da Casa promova a posse do vice-prefeito "enquanto perdurarem os efeitos da medida cautelar", escreveu o magistrado.

"" 

 

 PB Agora

Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

Notícias relacionadas

Levantamento do PB Agora contabiliza 10 nomes cotados para disputar única vaga da Paraíba no Senado em 2022

Um levantamento feito pela reportagem do PB Agora contabilizou ao menos dez nomes cotados para ingressar na disputa pela única vaga da Paraíba no Senado Federal nas eleições de 2022.…