A Paraíba o tempo todo  |

Após 4 gestões, José Sarney diz ter deixado um Senado melhor para sucessor

 Um dia antes de ser eleito presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) ouviu do antecessor, o senador José Sarney (PMDB-AP): "É isso mesmo o que você quer? Serão cinco meses de denúncias na imprensa. Vai aguentar?"

 

Renan respondeu que sim. "Você vai encontrar um Senado melhor", resignou-se Sarney, com a experiência de quem presidiu a Casa quatro vezes e enfrentou 11 processos no Conselho de Ética.

 

Desde 2009, quando enfrentou uma forte crise institucional com a revelação de que centenas de atos administrativos haviam sido secretos, Sarney se esforça para recontar a história e reforçar sua versão: a de que, com ele, o Senado se tornou uma instituição mais moderna.

 

Ontem, Sarney discursou por quase por uma hora sobre seu legado e chorou. Também disse que foi alvo de "xingamentos", mas que compreende que, quando se trata da imprensa, "o tempo corrige a prática de sua liberdade e os seus excessos".

 

"Quando assumimos, o Senado era quase uma Casa que não tinha visibilidade dentro do país; hoje, é a Casa da maior visibilidade legislativa do país, é a Casa que todos buscam para resolver os problemas institucionais."

 

Com 82 anos, ele disse à Folha que quer tirar licença de três meses do mandato para concluir a autobiografia "Boa Noite Presidente".

 

Sobre o choro, disse que, "quando a gente fica velho, se emociona mais. É o fim de uma etapa da minha vida e já não tenho tanto tempo."

 

O senador jura que não pretende assumir mais cargos. "O tempo não me permite mais." Ele nega as especulações de que pensou em assumir a presidência da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), a mais importante da Casa, no biênio 2013-2014.

 

 

Folha de São Paulo

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe