A Paraíba o tempo todo  |

Anísio bate martelo e confirma desfiliação do PT após represália; partido da base de João será nova casa

Após 42 anos no Partido dos Trabalhadores (PT), o deputado estadual Anísio Maia anunciou, na tarde desta sexta-feira (25) que deixa a legenda. Na tarde de ontem, o Conselho de Ética do PT decidiu suspender o parlamentar por seis meses em represália ao seu posicionamento com relação a participação do partido nas eleições municipais de 2020.

Em entrevista a emissora de rádio de João Pessoa, Anísio declarou que deverá reunir a sua militância nos próximos dias para decidir sobre o seu futuro político. “De uma coisa eu tenho certeza: irei para um partido da base de apoio do governador João Azevêdo e do pré-candidato à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva”, disse o parlamentar.

Para Anísio, a decisão da Executiva nacional do PT, que o impossibilita de disputar inclusive as eleições deste ano, foi um ato de traição e falta de respeito. ‘’Foram 42 anos de vida dedicados a este partido, mas eu não vou baixar a cabeça, vou seguir minha vida pública normalmente porque eles não vão me calar”, disse o deputado.

 

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe