Um dos primeiros anúncios da equipe ministerial do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ocorreu antes mesmo que ele tomasse posse. A declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, em dezembro de 2018, de que iria “passar a faca” no Sistema S preocupou o setor. Coincidência  ou não, o fato é que o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade, foi preso temporariamente na manhã desta terça-feira.

A reboque, o paraibano Buega Gadelha, presidente da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep), que  figura entre os vice-presidentes executivos da CNI, representando a região Nordeste, também foi preso.  A algema também foi posta sobre Ricardo Essinger, presidente da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe), e José Carlos Lyra de Andrade ,  presidente da Federação das Indústrias de Alagoas (Fiea).

Todos foram alvo da  Operação Fantoche. Nela, a Polícia Federal investiga, em parceria com o Tribunal de Contas da União (TCU), um esquema de corrupção envolvendo contratos de entidades do chamado Sistema S – que inclui serviços como o Sesc, Senai e Senac – com o ministério do Turismo.

Cabe, agora, uma reflexão. Será que Paulo Guedes já possuía, em gaveta secreta, informações sigilosas contra os dirigentes da CNI? O chamado “bote” teve como objetivo desarticular a força política da Confederação e dos que estão à frente do Sistema S, pavimentando o caminho para seu desmonte? É sempre bom perguntar, e observar. 

Eliabe Castor

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Tibério Limeira sobre crise no PSB: “Sou da ala dos espíritos desarmados”

Ao ser indagado sobre a crise existente entre a ala do governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB) e do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), o vereador pessoense Tibério Limeira – que…

Veneziano agradece a João novos investimentos na área da Educação em CG

O Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB) externou, na manhã desta sexta-feira (23), um agradecimento público ao governador João Azevêdo (PSB) pelos investimentos que vem proporcionando na área da Educação…