Apesar de estar focado em fortalecer o legislativo na Rainha da Borborema, o presidente municipal do Democratas, em Campina Grande, Waldeny Santana, afirmou em entrevista veiculada na Rádio Caturité FM, essa semana, que o partido pode lançar candidatura própria a PMCG em 2020, mas está aberto para alianças com outras legendas.

Waldeny alegou que o cenário está completamente aberto, mas, comentou sobre a aproximação do ex-deputado Bruno Cunha Lima. Ele revelou que o partido já conversou com outros pré-candidatos, a exemplo do senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB), com o chefe de gabinete da PMCG Bruno Cunha Lima e com o empresário Arthur Blolinha (PSL).

– Conversamos com Bruno, como conversamos com Artur Bolinha, o prefeito Romero, e o senador Veneziano. Nós não temos portas fechadas para nenhum dos grupos políticos, o nosso projeto maior é ocupar cadeira no poder legislativo, e essa pauta está totalmente aberta para discussão, não existe nada fechado no campo majoritário para o Democratas em Campina Grande – enfatizou.
Em 2016, o Democratas presidido pelo deputado Efraim Filho, indicou o candidato a vice na chapa que foi encabeçada pelo então deputado federal Veneziano Vital do Rêgo, a época no MDB.

Ele garantiu que o partido está focado em formar uma chapa proporcional forte para ampliar a bancada de vereadores na Câmara Municipal.
– Democratas tem focado em formar a chapa proporcional, hoje nós temos um quadro de homens já bem preenchido, e estamos focados em completar o quadro feminino, e ocupar ao menos 2 ou 3 cadeiras no legislativo. O objetivo é oferecer igualdade de oportunidades à todos os candidatos – explicou o presidente.

Severino Lopes
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: Bolsonaro resgata o clima de hostilidade à imprensa, vivido na ditadura

Bolsonaro sempre se apresentou como uma proposta verdadeiramente perigosa e ameaçadora à jovem democracia brasileira. Um grosso, truculento; daqueles que lembram os patéticos arroubos de ignorância do general Newton Cruz…

“Risco do retrocesso”, justifica Cartaxo ao dar ‘chega pra lá’ em aliados

Ao destacar que João Pessoa não pode voltar ao retrocesso e afirmar que o Partido Verde terá candidatura própria a prefeitura de João Pessoa neste ano, o prefeito da capital…