Por pbagora.com.br

 Sucinto nas respostas, o senador e presidente do PMDB José Maranhão, voltou a defender que o partido tenha candidatura própria em 2018.

José Maranhão que já governou a Paraíba três vezes, deixou claro que o  PMDB continua grande no Estado e não quer ser coadjuvante do pleito que se aproxima, mas protagonista.

Em entrevista a Rádio Correio FM, Maranhão disse que se for convocado pelo partido para o embate de 2018, estará a disposição e poderá sim, disputar mais uma vez o governo do Estado.

Ele negou que tenha sido procurado por outras legendas como o PSDB e o PSD para iniciar negociaçôes visando alianças politicas para 2018.

Disse que defende a união das oposições e que até o momento não foi procurado por aliados do governador Ricardo Coutinho para propor uma reaproxixmação.

– Eu defendo a união das oposições, mas o PMDB reivindica e defende candidatura própria de governador.  Pode ser qualquer nome do partido. Eu apenas me coloquei a disposicão – disse.

 

Severino Lopes

PB Agora

 

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Recém eleito prefeito de JP, Cícero diz ter pressa para montar equipe de transição

Recém-eleito para gerir a cidade de João Pessoa pela 3ª vez , Cícero Lucena (Progressista), adiantou, nesta segunda-feira (30), que tem pressa para iniciar o processo de transição, principalmente por…

Aliança entre Cícero e João o fez apoiar Nilvan em JP, explica Romero

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, do PSD, declarou em entrevista concedida à emissora de rádio nesta segunda-feira (30), pós 2º turno, que a aliança do candidato Cícero Lucena,…