Por pbagora.com.br

Uma operação conjunta da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-PB) com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na BR-101, no município de Mamanguape, Litoral Norte da Paraíba, uma carga de 32 toneladas de cabos de alumínio, que estava sendo transportada oriunda do Ceará, com nota fiscal inidônea. A operação foi conduzida pelos auditores fiscais da Primeira Gerência Regional da Sefaz, com sede em João Pessoa.

Após na abordagem constatarem o documento irregular, os auditores fiscais conduziram o caminhão com os dez rolos de cabos de alumínio de alta tensão para o depósito da Sefaz, no Distrito Industrial de João Pessoa, para fazer o auto da infração, contabilizar e calcular o tributo e a multa que juntas somadas chegaram a R$ 112.320,00. O valor já foi pago e a carga liberada.

Fiscalização intensificada pela Sefaz-PB – Os postos fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-PB) e as equipes de fiscalização em trânsito das cinco Gerências Regionais (João Pessoa, Guarabira, Campina Grande, Patos e Sousa) têm intensificado o trabalho de fiscalização de cargas nas rodovias, nas divisas e em pontos estratégicos das rodovias em ações fiscais móveis e inteligentes. O objetivo é combater a sonegação fiscal e coibir a circulação de mercadoria com documentação ou inscrição pendente de regularidade e sem o devido recolhimento do ICMS.

 

Secom

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia desarticula ponto de venda de drogas e prende dupla na Capital

A Polícia Militar desarticulou mais um ponto de tráfico de drogas, prendeu dois suspeitos, apreendeu maconha e radiocomunicadores usados por criminosos. A ação aconteceu na comunidade do Aratu, no bairro…

Polícia Civil irá investigar assassinato de pré-candidato em Pedras de Fogo

A Polícia Civil irá investigar o assassinato do empresário Abson Matos Paiva, conhecido em Pedras de Fogo pelas críticas à gestão do prefeito Dedé Romão, que foi assassinado, na noite…