Por pbagora.com.br

O diretor e um agente da cadeia pública da cidade de Solânea foram indiciados após um preso do regime fechado ter conseguido autorização para ir a um motel e posteriormente fugir.

O caso aconteceu no mês de maio mas a sanção só foi instaurada na última semana.

De acordo com as informações, o diretor e o agente teriam liberado o preso que disse que iria para um motel. O homem, identificado como Alan Júnior é natural do Paraná e responde por estelionato em vários estados do país. Ao menos dez denúncias foram feitas contra ele na Paraíba.

O homem também teria levado uma pistola .40 de um agente.

Toda a equipe envolvida no caso foi afastada, o diretor e agente vão responder pelo crime de prevaricação e o agente por facilitação dolosa.

O fugitivo continua sendo procurado pela polícia além da namorada e os dois filhos dela que teriam ido junto.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem é preso pela PRF da Paraíba com pistola e uma caminhonete de luxo roubada

A Polícia Rodoviária Federal na Paraíba prendeu, na tarde deste sábado (19), um homem com uma pistola e um veículo de luxo roubado. A prisão ocorreu no município de Queimadas,…

Mais de 30 aves silvestres eram mantidas em cativeiros, em João Pessoa

A Polícia Militar apreendeu 36 aves silvestres de várias espécies, nessa quinta-feira (17), após o atendimento de duas denúncias que indicavam que os animais estavam sendo mantidos em cativeiros, nos…