Uma ação rápida dos policiais da 3ª Companhia do 7º Batalhão resultou na prisão de dois homens e na apreensão de três adolescentes acusados de roubar um correspondente bancário, nesta terça-feira (29), na cidade de Mari (distante 68 km da Capital). O bando foi interceptado logo após o crime e todos foram detidos em flagrante.

O comandante da 3ª Cia do 7º BPM, capitão Davi Batista, informou que logo que o assalto foi registrado, várias viaturas montaram um cerco na zona rural da cidade, em uma estrada que daria acesso à cidade de Mamanguape, no Litoral Norte, e conseguiram surpreender os acusados.

 

“Fizemos uma leitura das possíveis rotas de fuga e conseguimos interceptar o bando nesta estrada. Eles estavam em um carro, armados com um revólver calibre 38 e com eles recuperamos todo o dinheiro do assalto, que somava mais de R$ 2.500 em espécie, além de objetos de clientes que eles roubaram”, detalhou o capitão.

 

Foram presos Douglas dos Santos, 21; Tiago Silva de Santana, 24; e apreendidos três adolescentes, com idades entre 15 e 17 anos. Os cinco foram levados para a Delegacia da da Cidade de Mari, onde foram autuados por roubo e formação de quadrilha.

 

Os dois maiores serão encaminhados, ainda nesta quarta-feira (30), para o Presídio de Sapé. Já os menores vão para o Centro Educacional do Adolescente, em João Pessoa.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Arma de fogo de uso restrito é apreendida e homem é preso pela PRF na Paraíba

A Polícia Rodoviária Federal na Paraíba prendeu no início da noite dessa quinta-feira (28), em Alcantil, município da Região Metropolitana de Campina Grande, um homem com uma pistola de uso…

Solto há 15 dias, homem volta a ser preso suspeito de assaltar farmácia em Campina Grande

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia Especializada de Crimes Contra o Patrimônio (Roubos e Furtos) – DRF/CG, prendeu em flagrante, nesta sexta-feira (29), um homem que nessa…