Policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) prenderam na madrugada desta sexta-feira, dia 20, sete pessoas acusadas de praticar assaltos, homicídios e receptação de armas e veículos, tomados por assalto na região metropolitana da capital.

Na ação policial, que aconteceu nas cidades de João Pessoa e em Belém de Caiçara, foram detidos: Wilson Ferreira da Silva, 33 anos, vulgo “Neguinho”, que estava de posse de todo material apreendido, além de João Maria Néris de Azevedo, 24 anos, Leonardo Gomes da Silva, 27 anos, vulgo “Naldo”, José Soares de Lima, 42 anos, vulgo “Leôncio”, José Ailton do Nascimento, 24 anos, Roque Ernestro Felipe, 24 anos.

Em poder do primeiro acusado foram encontradas duas armas de fogo, sendo uma pistola calibre .40 e um revólver calibre 38, ambos acompanhados de vasta munição. Também foram apreendidos um par de algemas, dois capuzes e uma documentação falsa, que era usada por “Neguinho”.
Os dois primeiros acusados foram presos no conjunto Ernestro Geisel, enquanto que os demais foram localizados na cidade de Belém de Caiçara. Esses últimos são acusados de dar apoio às ações do líder e de receptação de produto de roubo.

De acordo com o delegado Walter Brandão, titular da DRE, o “Neguinho” é acusado de inúmeros assaltos e homicídios. Um dos crimes confessados por ele ocorreu no último sábado no bairro do Multirão, em Bayeux, ocasião em que um homem foi assassinado, uma mulher e uma criança saíram férias à bala.

O preso também é acusado de participar do roubo à agência dos Correios da cidade de Guarabira, de um seqüestro ocorrido há algumas semanas em Bayeux, e diversos roubos a estabelecimentos. Durante as investigações, os agentes da DRE descobriram que o bando estava programando o roubo a uma residência que fica no Jardim Aeroporto, Em Bayeux. O plano seria executado nessa quinta-feira.
 

Jornal da Paraíba

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MP deflagra operação contra coronel do Corpo de Bombeiros e empresa de engenharia, em JP

O Ministério Público deflagrou uma operação em um prédio do Altiplano Cabo Branco, em João Pessoa. As primeiras informações são de que o alvo seria o apartamento aonde reside um…

Gato em 4 propriedades de Boqueirão seria suficiente para abastecer 946 casas por 1 ano

Ontem, 22 de agosto, Energisa e Polícia Civil realizaram uma operação especial na zona rural de Boqueirão, região metropolitana de Campina Grande. A ação foi programada após o Centro de…