A Polícia Civil confirmou que os suspeitos de atropelar cinco pessoas da mesma família, na noite do domingo (22), na cidade de Areia, foram identificados e vão se entregar nesta terça-feira (24).  O acidente causou comoção e revolta entre os moradores de Areia. A família se preparava para ir para a igreja, quando foi atropelada próxima de casa. Os moradores ainda tentaram prender o motorista, mas o homem, com sintomas de embriagrez, conseguiu fugir.

O delegado que apura o caso, disse que os suspeitos são o dono de uma empresa que realiza transportes, além do funcionário dele.

O acidente aconteceu quando a família estava na calçada da residência, quando foram surpreendidos pelo veículo. No acidente, um menino de 10 anos morreu ainda no local. A mãe, de 34 anos chegou a ser socorrida para uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Duas crianças uma de 4 e outra de 6 anos, e o pai de 28 anos também ficaram feridos. Eles foram transferidos para o Hospital de Trauma de Campina Grande.

A menina de 4 anos sofreu uma lesão no pulso e recebeu alta nesta segunda-feira (23). Já a outra criança, de 6 anos sofreu traumatismo craniano e seu estado de saúde é considerado grave. O pai sofreu uma fratura exposta, mas o estado de saúde é considerado regular.

Redação

Total
1
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia apreende mais de 100 papelotes com drogas em CG

Mais de 100 papelotes e cinco pacotes com substância semelhante à maconha foram apreendidos pela Polícia Militar em uma ação da 2º Companhia Especializada em Policiamento com Motocicletas, na cidade…

Capotagem na BR 104 termina com uma pessoa morta neste domingo

Uma capotagem na BR 104, registrada neste domingo (08), terminou com uma pessoa morta. A vítima foi um homem de 38 anos, que havia perdido o controle da direção quando…