Entorpecentes, cédulas falsas de dinheiro e instrumentos para quebrar e violar cofres. Foram estes os itens encontrados, na tarde desta segunda-feira (15), pela Polícia Civil numa casa situada no bairro do José Américo, em João Pessoa. O imóvel pertence à Morgana Oliveira, presa na noite desse domingo (14), de posse de 304 munições para fuzil.

A prisão foi realizada numa ação conjunta de policiais militares e federais. A suspeita é que a presa integre uma quadrilha criminosa especializada em roubos a bancos.

Conforme o delegado de Roubo e Furto de Veículos e Cargas de João Pessoa (DRFVC/JP), Getúlio Machado, Morgana já era alvo de  investigação por parte da Polícia Civil.

Ao ter conhecimento da prisão dela,  equipes da DRFVC/JP realizaram  diligências e localizaram o endereço da suspeita. Quando chegaram ao imóvel, os policiais encontraram cerca de cinco mil unidades de comprimidos alucinógenos, dois quilos de maconha, maquinários para arrombar cofres e uma grande quantidade de notas falsas nas quantias de R$ 20 e R$ 100 .

De acordo com o delegado Getúlio Machado, apesar de já se encontrar presa, Morgana será novamente responsabilizada criminalmente. “Esse material foi encontrado na casa dela. A presença dos objetos ilícitos configura crime de tráfico de drogas e falsificação de dinheiro”, afirmou o delegado.

“Iremos realizar o procedimento e encaminhar à justiça. Morgana será enquadrada nos crimes de tráfico e falsificação de dinheiro”, completou Machado.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Criminoso atira e mata mulher que transitava de moto na capital

Mais uma caso de violência contra a mulher foi registrado na  noite de ontem (12), na capital paraibana, quando uma  mulher foi assassinada e outra ficou baleada após terem sido…

Bandidos invadem casa em Santa Rita e estupram mulher

A polícia investiga um caso onde cinco homens invadiram uma residência, na madrugada de hoje (21), e estupraram uma mulher de 21 anos, no município de Santa Rita, na Paraíba.…