A Paraíba o tempo todo  |

PM é alvejado por dono da farmácia em CG, que o confundiu com um dos criminosos

O assalto a uma farmácia no bairro do Jardim Paulistano, na cidade de Campina Grande, Agreste da Paraíba, ocorrido na noite de ontem (22), em que um policial militar de 25 anos foi baleado, teve novas informações. De acordo com a assessoria de comunicação do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, são considerados estáveis os estados de saúde do policial militar e do suspeito – que foram baleados durante uma tentativa de assalto a uma farmácia no bairro Jardim Paulistano. O militar tem 29 anos e está internado no setor de ortopedia. O suspeito, de 27 anos, passou por cirurgia e está internado na enfermaria cela.

Segundo o relato de testemunhas à polícia, o militar teria sido atingido de raspão na cabeça com um disparo realizado pelo proprietário da farmácia, que o confundiu com um dos suspeitos. O tiro foi efetuado durante a tentativa de fuga dos criminosos, após o PM recuperar o celular roubado pelos assaltantes e tentar devolver ao empresário. Já o suspeito que ficou ferido teria sido atingido durante a troca de tiros com o militar, que reagiu a abordagem da dupla armada. O revólver do dono da farmácia foi apreendido e, junto a ele, foi apresentado à Central de Polícia da cidade.

O segundo suspeito envolvido na ação fugiu.

Da Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      7
      Compartilhe