Por pbagora.com.br

A PF (Polícia Federal) realiza desde a manhã desta terça-feira uma operação contra a exploração, abuso sexual e pedofilia na internet em nove Estados. Ao todo, mais de 400 policiais federais participam da operação para cumprir 81 mandados de busca e apreensão.

De acordo com a PF, a operação –chamada Tapete Persa– é coordenada pela Divisão de Direitos Humanos da PF e conta com o apoio da Interpol e da polícia alemã, que teria identificado milhares de usuários brasileiros que estariam distribuindo, compartilhando e divulgando material pornográfico na internet.

Esses usuários brasileiros foram identificados após a polícia alemã realizar monitoramento de redes na Internet. Após ser comunicada, a Polícia Federal brasileira iniciou investigações no primeiro semestre de 2009. Após conseguir autorização judicial, a PF encaminhou para suas unidades descentralizadas os endereços dos suspeitos obtidos junto aos provedores de Internet.

A operação de hoje acontece nos Estados de Alagoas, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal.

A PF ressalta que a Constituição Federal prevê, no artigo 227, a proteção integral de crianças e adolescentes como prioridade absoluta e que, somadas as penas, os criminosos poderão, se condenados, permanecer por mais de 15 anos em reclusão.

Apesar de na Paraíba o deputado Nivaldo Manoel (PMDB) já ter solicitado uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar a prática, o Estado não foi incluído na ação da Polícia Federal.

 

 

Redação com Folha

Notícias relacionadas

Em João Pessoa, homem é preso com drogas escondidas dentro de geladeira

A Polícia Militar prendeu um homem no bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, com drogas escondidas dentro de uma geladeira. No local, os agentes de segurança apreenderam uma grande quantidade de…

Polícia apreende carro clonado em Campina Grande e que havia sido roubado em JP

A Polícia Militar recuperou um carro que havia sido roubado em João Pessoa e que estava circulando como um ‘clone’ de outro veículo na cidade de Campina Grande. A ação…