A polícia prendeu uma mulher suspeita de ter matado um homem, em 2014, no bairro Padre Zé, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Civil, a motivação do crime estaria ligada a uma vingança por a suspeita ter sido estuprada pela vítima. A prisão aconteceu na noite desta quinta-feira (12), e de acordo com informações da polícia a vítima era filho do padrasto da mulher que foi presa e foi morto com três disparos de arma de fogo.

A prisão aconteceu sob força de um mandado de prisão expedido pela 2ª Vara do Tribunal do Júri de João Pessoa. Erivânia Rufino de Oliveira foi presa pela Delegacia de Crimes Contra a Pessoa e foi encaminhada para a Central de Polícia Civil.

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Corpo é encontrado boiando na Lagoa, no Parque Sólon de Lucena, na capital

Um corpo foi encontrado boiando na manhã deste domingo (17), no o Parque Sólon de Lucena, Centro de João Pessoa. Ainda não se sabe a identidade da vítima, que aparenta…

Interpol emite ordem de captura contra ator argentino no Brasil

A Interpol emitiu uma ordem de captura contra o ator argentino Juan Darthés, acusado de estupro pela atriz Thelma Fardin e que está no Brasil atualmente, segundo informaram fontes policiais…