Na manhã desta segunda-feira (16) uma mulher acionou a Polícia Militar após suspeitar que a filha estaria sendo mantida em cárcere privado pelo marido no conjunto Gervásio Maia, em João Pessoa.

Durante a madrugada os vizinhos ouviram gritos vindos da casa, na manhã de hoje a mãe da mulher foi até a residência do casal e ao chamar ninguém teria atendido, logo ela suspeitou que o marido não estava querendo que a filha entrasse em contato com ela.

A Polícia Militar esteve no local, mas a mulher negou que estivesse sendo mantida refém.

Ainda segundos os vizinhos os relatos são de que na casa há muitas brigas e que o homem já teria espancado a mulher.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PRF na Paraíba prende homem foragido da justiça pelo crime de estupro

A Polícia Rodoviária Federal na Paraíba prendeu em João Pessoa, nessa terça-feira (07),um homem que estava com mandado de prisão em aberto pelo crime de estupro de vulnerável. A abordagem…

Suspeito de invadir casa e fazer família refém é preso, na Grande JP

Um dos suspeitos de invadir a casa de uma empresária e fazer uma família refém na cidade de Lucena, na manhã desta terça-feira (07), foi preso após uma perseguição policial…