A Paraíba o tempo todo  |

Motorista que atropelou e matou soldado da PM já se encontra preso

O estoquista de supermercado Valdivan Soares Diniz, de 38 anos, está desde a tarde de domingo, 3, na cela de reconhecimento do Presídio do Roger. Ele foi autuado em flagrante pelo delegado Antônio Magno Toledo, na 9ª Delegacia Distrital, após atropelar e matar o soldado da Polícia Militar Michel Márcio da Silva Nascimento, 29 anos. Valdivan vai permanecer na cela por pelos cinco dias, como informou a direção do presídio.

Valdiran se envolveu no acidente que matou o soldado Michel na noite de sexta-feira, 1º, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa. No levantamento feito ainda no local ficou constatada a embriagues do motorista que dirigia o Palio azul de placas MNE – 8862 – PB e provocou o acidente, quando colidiu com motos da Rotam e uma delas pilotada pelo militar morto.

 
 

Levado para a 9ª Delegacia Distrital, Valdiran foi autuado pelo delegado Magno Toledo como incurso nos artigos 121 – homicídio, cuja pena pode chegar até 20 anos de reclusão e pelo menos quatro artigos do Código Brasileiro de Trânsito.

Após ser autuado ele foi transferido imediatamente da 9ª delegacia para a Central de Polícia por medida de segurança, devido ao grande número de pessoas na frente da delegacia, inclusive muitos policiais.
 

 

O acidente aconteceu por volta das 20h30 de sexta-feira, 1º na rua Elias Pereira de Araújo, em Mangabeira. Segundo consta de informações da polícia, Valdivan Soares dirigia seu veículo Palio na rua lateral do mercado quando avançou o sem sinal. Nesse momento policiais da Rotam, em motos passavam pelo cruzamento, tendo o Palio colidiu com duas motos, pilotadas pelo soldado Michel e Joab Monteiro da Silva.

Enquanto um policial da Rotam fazia o atendimento aos dois companheiros caídos, outro saiu em perseguição ao veículo atropelador que foi detido e levado para a delegacia.

Na Delegacia foi realizado o teste de etilômetro no acusado, onde ficou confirmado o teor alcoólico de 037 ml por litro de sangue confirmando a embriagues. Valdivan estava dirigindo sem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
 

 

O corpo do soldado Michel foi sepultado na tarde de domingo, 3, no cemitério Senhor da Boa Sentença. O militar seria promovido ao posto de cabo no sábado. No dia anterior ele trabalhou como socorrista do Samu e estava apenas há três meses na Rotam. Ele ingressou na vida militar em 2002 no Corpo de Bombeiros da Paraíba. No cemitério ouve o toque de silêncio e ainda a salva de 21 tiros.

 

PB Agora

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe