Por pbagora.com.br

A Polícia Militar apreendeu 36 aves silvestres de várias espécies, nessa quinta-feira (17), após o atendimento de duas denúncias que indicavam que os animais estavam sendo mantidos em cativeiros, nos bairros do Rangel e Funcionários III, em João Pessoa.

Na primeira, no bairro do Rangel, os policiais do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) e Regimento de Polícia Montada (RPMont) cercaram uma casa, na avenida São Judas Tadeu, e apreenderam no local 26 aves e um revólver. Ele foi levado para a Central de Polícia e autuado por dois crimes: o de ter em cativeiro espécies da fauna silvestre e de posse ilegal de arma de fogo. O acusado foi ainda multado no valor de R$ 13 mil.

Na outra denúncia atendida, na rua João Pereira de Lima, nos Funcionários III, foram apreendidas 10 aves silvestres e preso um homem de 59 anos. O acusado foi levado para a Central de Polícia, onde foi autuado por ter em cativeiro espécies da fauna silvestre e recebeu multa de R$ 5 mil. O acusado também será investigado sobre o envolvimento na comercialização dos animais.

Denúncias – A população pode contribuir com o trabalho da Polícia Militar, denunciando pelo número 190 qualquer prática de crime ambiental, principalmente os que colocam em risco as espécies da fauna silvestre.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mototaxista acusado de matar estudante de direito em Lucena segue foragido

Segue foragido o mototaxista acusado de matar a facadas o estudante de direito Tárcio dos Anjos Lima tinha 33 anos, ontem, sábado (17), após uma briga de trânsito na cidade…

Foragido da justiça por roubo é recapturado pela PRF na Paraíba

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba prendeu, na noite do último sábado (17), em João Pessoa, um homem foragido da justiça pelo crime de roubo. A equipe policial abordou…