Por pbagora.com.br

O juiz da 61ª zona eleitoral, Euler Paulo de Moura Jansen, determinou, em decisão divulgada nesta terça-feira (10),  a suspensão de distribuição de cestas básicas no município de Bayeux, bem como proibiu todas as ações assistenciais promovidas pela prefeitura até o dia 15 de novembro, dia das eleições.

A decisão atende a uma ação ajuizada pelo Capitão Antônio, candidato a prefeito pela Coligação Bayeux Unida contra a Corrupção, na cidade.

Capitão Antônio

Caso a gestão Luciene de Fofinho (PDT), que disputa à reeleição na cidade, descumpra a determinação, poderá ser penalizada a desembolsar uma multa diária no valor de R$ 100 mil.

Pela decisão, e stão suspensas as concessões de auxílio funeral, bolsa família, cestas básicas, sopas e refeições.

A ação afirma que a prefeita Luciene de Fofinho dispensou a licitação (Processo nº 0024/2020) e firmou contrato administrativo no valor de R$ 434.850,00 para fornecimento de 6.500 cestas básicas. Além disso, Capitão Antônio aponta superfaturamento e abuso de poder econômico, com a distribuição das cestas sem critérios definidos.

Leia um trecho da decisão do juiz:

Estariam presentes o requisitos necessários do fumus boni iuris e do periculum in mora autorizadores da medida pleiteada de caráter preparatório, “que sejam suspensas todas as entregas de cestas básicas, bem como a realização de todos os programas assistenciais pela Prefeitura Municipal de Bayeux/PB até o dia 15 de novembro de 2020 (dia das eleições), e/ou que a entrega de cestas e realização dos programas sociais assistencialistas sejam realizados através do Ministério Público Eleitoral em Bayeux/PB, até o dia das eleições”. Concedo a tutela de urgência de natureza cautelar antecedente, no sentido de suspender todas as entregas de cestas básicas, bem como a realização de todos os programas assistenciais da prefeitura municipal de Bayeux até o dia 15 de novembro de 2020 (dia das eleições). Citem-se os promovidos para contestar no prazo legal e, em especial, intimando-os para cumprir esta decisão, sob pena de R$ 100.000,00 por dia de descumprimento, limitados a R$ 700.000,00.

Leia o pedido do Capitão Antônio na íntegra:

Decisão

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PC realiza a ‘Operação Ordo’ em combate ao tráfico de drogas em João Pessoa

A ‘Operação Ordo’ da Polícia Civil realizou prisões e cumpriu mandados de busca e apreensão contra suspeitos de envolvimento com organizações criminosas e tráfico de drogas, nas primeiras horas desta…

Homem é baleado ao defender esposa de assalto, no bairro Cristo Redentor, em JP

Um homem de 43 anos foi internado no Hospital de Emergência e Trauma após ser atingindo por tiros nos braços e nas pernas, na noite dessa terça-feira (1°), no bairro…