Por pbagora.com.br

Mais um caso de feminicídio na Paraíba. A vítima desta vez foi uma mulher de 19 anos que foi morta a tiros na noite de terça-feira (26) na zona rural de Queimadas. De acordo com a Polícia Civil, o principal suspeito de cometer o crime é o ex-namorado da vítima e a motivação seria não aceitar a gravidez da jovem.

De acordo com a polícia, a vítima estava na casa que morava com os tios, no sítio Capoeiras, por volta das 20h30, quando o suspeito chegou e efetuou os disparos. Após o crime ele fugiu do local.

A Polícia Civil informou ao G1 que, segundo relato da tia da vítima, ela estaria grávida do suspeito e essa seria a motivação do crime, já que ele não aceitava a gravidez da vítima. O homem de 19 anos foi preso na madrugada desta quarta-feira (27), no município de Boqueirão, no Cariri da Paraíba. A polícia segue investigando o caso.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB: 33 casos de injúria racial e preconceito foram registrados em 2020

Um levantamento feito pela Polícia Civil revela que foram registrados 77 casos de preconceito e injúria racial no ano passado. Já neste ano até o mês de setembro deste ano,…

PRF/PB recupera veículo locado há mais de um ano e nunca devolvido

O veículo, avaliado em R$ 76 mil, teria sido vendido há um mês no Rio Grande do Norte e circulava no litoral paraibano A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba…