Por pbagora.com.br

Policiais do Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE) prenderam no inicio da manhã desta terça-feira (3), em Guarabira, no Brejo paraibano, Wanilsa Ferreira Nunes, 21 anos, acusada de tráfico de drogas.

O GOE recebeu uma denuncia anônima relatando que uma mulher residente em Guarabira havia recebido pelos Correios uma quantidade de droga não informada e iniciou as investigações. Na sexta-feira (30), os policiais se deslocaram ao município e montaram uma campana com o objetivo de realizar o flagrante. Wanilsa foi presa em casa, na Rua Juca Alcântara, no bairro Santa Terezinha.

A droga, cerca de 7 quilos de maconha prensada em forma de tabletes, estava escondida em uma caixa enviada para Wanilsa pelos Correios, oriunda do Mato Grosso do Sul. Por cima da droga, havia vários pacotes de salgadinhos, usados para ocultar o ‘produto’.

Segundo informou o delegado Wallber Virgolino, Wanilsa é ex-companheira do presidiário Zé Roberto, conhecido por “Neguinho Mulungu”, que cumpre pena por tráfico de drogas no Presídio Padrão de Santa Rita.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia Civil prende grupo responsável por tráfico milionário em JP

Três homens e duas mulheres foram presos, na tarde de ontem (29), em João Pessoa, suspeitos de integrarem uma organização criminosa que comercializa cocaína vinda da Bolívia. De acordo com…

Casal é encontrado morto dentro de carro em Monteiro

Na manhã desta sexta-feira (30), um casal foi encontrado morto dentro de um carro na manhã na cidade de Monteiro, no Cariri paraibano. Segundo informações da polícia, o homem e…