A Polícia Militar apreendeu uma carga de explosivos, no fim da noite dessa segunda-feira (20), após interceptar um carro na Avenida Marechal Floriano Peixoto, no centro de Campina Grande. A suspeita é de que o material seria usado em ataques a bancos, na região. Um suspeito de 33 anos, que é da cidade de Queimadas, foi preso em flagrante.

No veículo, os policiais da Força Regional do Comando de Policiamento Regional I (CPR-I) encontraram 18 bananas de dinamite, cordéis detonantes, espoletas, estopim e oito quilos de explosivo com alto poder destrutivo.

O carro foi abordado durante reforço da segurança que as equipes realizavam na cidade, dentro das atividades da Operação Tiradentes. O suspeito, ao perceber a presença da PM, realizou uma manobra arriscada com o veículo para tentar fugir, mas acabou interceptado. Ele apresentava bastante nervosismo quando foi parado e os policiais desconfiaram de que o carro estaria com algum material ilegal, o que foi confirmado durante revista no banco de trás, onde estava um pacote com todo o explosivo.

O preso foi apresentado na Central de Polícia Civil, em Campina Grande. Os artefatos explosivos foram desativados pela equipe do Grupamento de Ações Táticas Especiais (GATE) da Polícia Militar, antes de serem levados para a delegacia.

Secom

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem é preso pela PRF na Paraíba pela segunda vez com carro roubado

Uma ação realizada na manhã deste domingo (24), por uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF), aprendeu próximo ao município de Sobrado, um veículo supostamente clonado. Trata-se de um veículo…

Bandidos fazem reféns durante assalto a farmácia, em João Pessoa

Na noite de ontem (23), a Polícia Militar foi acionada para atender uma denuncia de assalto a uma farmácia no bairro do Bessa, em João Pessoa. Segundo a polícia, clientes…