O Exército Brasileiro, por meio do Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados (SisFPC), está realizando desde anteontem a Operação Alta Pressão VII com o objetivo de intensificar o combate ao comércio ilegal de armas de fogo e munições em todo o território nacional. Na Paraíba, 17 empresas estão sendo fiscalizadas.

 

As ações acontecem de forma contínua até amanhã nos estados da Paraíba, Pernambuco, Alagoas e Rio Grande do Norte, porém, o Exército elege períodos do ano para a realização de grandes operações para evitar a proliferação de compra e venda de armas ilegais no país. Na Paraíba, oito equipes estão sendo utilizadas, totalizando 15 militares do Exército, além de policiais civis e militares.

 

Esta está sendo a segunda operação do mesmo gênero que acontece este ano. No período de 19 a 22 de junho, a Operação Alta Pressão VI, num trabalho conjunto com o apoio das polícias Federal e Rodoviária Federal, das polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar dos estados e das agências fazendárias de todos os níveis (federal, estadual e municipal), resultou em 154 autuações e uma interdição, sendo apreendidas 158 armas de fogo, 30.195 munições, 105 airsoft (armas de pressão), 30 lunetas e 41kg de pólvora. Em todo o Brasil foram empregados 774 militares do Exército e 367 integrantes dos órgãos de ordem e segurança pública e agências governamentais que, no total, percorreram a distância de mais de 100 mil quilômetros, fiscalizando 906 estabelecimentos comerciais.

 

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Menor leva tiro na cabeça em Stª Rita e é internado em estado grave

Está internado em estado grave, no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, um menor de 16 anos, vítima de um tiro na cabeça, na noite de ontem, sábado…

Idoso é baleado durante assalto na PB por não ter nada para dar a ladrões

Um idoso de 62 anos foi alvejado com dois tiros, ontem, sábado (07), no município de Pilar por não ter nada para dar a dois ladrões que tentaram assaltá-lo. A…