Por pbagora.com.br

Mais um assassinato foi registrado na noite de ontem (07), na cidade de Pedras de Fogo, na Paraíba. Ronaldo Barbosa, de 39 anos, (ex-presidiário) que usava tornozeleira eletrônica e estava a caminho da casa do ex-sogro para visitar a filha, foi morto a tiros.

Segundoa Polícia, ele e a ex-mulher tinham se desentendido na última semana e ele estava proibido de voltar à residência. A vítima foi atingida com nove tiros de pistola. Ainda segundo à Polícia, ele tinha várias passagens pela polícia por roubos e assaltos.

O corpo foi encaminhado para o Instituto de Polícia Científica, no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa. A autoria do crime ainda é desconhecida. A Polícia Civil deve investigar o caso.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PF cumpre mandados na Paraíba contra grupo acusado de fraudar bancos

A Polícia Federal na Paraíba deflagrou na manhã desta quinta-feira (13) uma operação para desarticular um grupo criminoso especializado na realização de fraudes bancárias mediante uso de documentos falsos, como…

Operação Malhas da Lei busca suspeitos de tráfico em área indígena da PB

Uma operação da Polícia Civil prendeu cinco pessoas suspeitas de tráfico de drogas em áreas indígenas, na manhã de hoje (13), no município de Rio Tinto, no Litoral Norte da…