Por pbagora.com.br

Acordão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), publicado ontem (25), decidiu manter o empresário Roberto Santiago na prisão. A decisão foi da quinta turma do STJ. . O julgamento foi realizado no dia 18 de junho, mas o acórdão saiu ontem.

Esse é o quinto Habeas Corpus negado a Santiago. Os advogados de defesa alegavam que não havia mais motivos para manutenção da prisão preventiva e que o empresário estaria sofrendo constrangimento legal.

Eles pediam a conversão da preventiva em medidas cautelares. De acordo com a defesa, Roberto Santiago sofre de doença crônica pulmonar, sendo necessária a prática regular de fisioterapia.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem é morto durante tentativa de assalto, em João Pessoa

Um homem foi morto durante tentativa de assalto, em João Pessoa. O crime aconteceu na noite desta quarta-feira (30) no bairro Jardim Cidade Universitária, na Capital. O homem estava armado…

PM apreende 16 aves silvestres e aplica multa de R$ 8 mil a criador

Nessa terça-feira (29), Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) apreenderam dezesseis aves silvestres no município de Lucena. A ação desencadeou-se a partir de uma denúncia acerca de um…