Tanto as circunstâncias quanto os responsáveis pelo prédio que desabou no bairro da Torre, em João Pessoa, no último dia 10, ainda são desconhecidos. Por conta desse ‘mistério’, a Polícia Civil da Paraíba instaurou vai instaurar inquérito para apurar as causas do acidente. O empreendimento possuía cinco andares e veio abaixo sem que ninguém esperasse.

O delegado Alberto do Egito, titular da Delegacia Seccional da Região Norte de João Pessoa,  esteve na sede do Conselho Regional de Engenharia da Paraíba (Crea/PB), na manhã desta sexta-feira (12) para tratar do caso.

Durante a reunião com membros do Conselho e coletou informações e documentos que irão subsidiar as investigações. “Iremos determinar que seja instaurado um inquérito policial para apurar as circunstâncias do acidente, bem como os responsáveis. Ainda é prematuro fazer qualquer avaliação do ocorrido”, afirmou.

O local do acidente também será submetido a perícias para auxiliar nas investigações. O trabalho de apuração do caso ficará sob a responsabilidade da 3ª Delegacia Distrital de João Pessoa. “Vamos determinar que a delegacia responsável pela área onde ocorreu o fato instaure procedimento policial para investigar o ocorrido”, arrematou.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Feminicídio: jovem é morta a facadas por namorado, em Teixeira

A Polícia Militar da Paraíba registrou ontem (14), mais uma caso de feminicídio, quando uma jovem de 16 anos, ter sofrido uma facada, pelo marido, na cidade de Teixeira, na…

Homem é morto em Alagoa Nova, após discussão por aparelho celular

Uma discussão banal por uma aparelho de celular, resultou na morte de um homem de 29 anos, na madrugada de ontem (14), na cidade de Alagoa Nova, no Agreste paraibano.…