A Paraíba o tempo todo  |

CPI do Outdoor vai convocar irmão de Cássio Cunha Lima

O empresário e publicitário Savigny Cunha Lima será convocado para prestar depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembléia Legislativa, que investiga a origem do dinheiro que pagou uma campanha de out door acusando os deputados da oposição de terém votado contra a permute de dois terrenos para a construção do Shopping Mangabeira, no local onde hoje funciona a Academia de Polícia Civil – Acadepol.
A decisão foi tomada a poucos instantes durante uma audiência pública da CPI e os deputados decidiram convocar Savigny Cunha Lima para prestar depoimento, uma vez que ele é o dono da Empresa Exiba, responsável pela confecção dos 29 painéis que foram espalhados em pontos estratégicos da cidade.

O empresário só deverá ser ouvida pela CPi ano que vem, já que a audiência desta segunda-feira (dia 5) foi a última reunião do ano e a partir do dia 20 a Assembléia vai entrar em recesso e só volta a funcionar no final do mês de janeiro de 2012.

A audiência foi presidida pelo deputado André Gadelha (PMDB) e a decisão de convocar o publicitário, aconteceu logo após os deputados ouvirem o depoimento do dono da Empresa Cópias e Cia, Lindenau de Sousa Ramos.

Ele contou que foi contou que foi procurado por um represente do Fórum para o Desenvolvimento Econômico a Zona Sul da cidade, para fazer uma arte para panfletos e adesivos, tendo recebido a importância de 60 reais para produção a arte, que depois foi transformada em out door.

O deputado Gervásio Maia (PMDB) fez um alerta durante a audiência, observando que as contradições nos depoimentos começam a aparecer, já que em outras audiências a empresa Cópias e Cia, que fica no Shopping Sul, no Bairro dos Bancários, em João Pessoa, foi apontada como responsável pela confecção do material e o dono da empresa revela em depoimento na CPI, que não tinha contrato e que só fez uma arte para a produção de panfletos e adesivos.

Na opinião de Gervásio Maia, as pessoas convocadas estão mentindo para a CPI na tentativa de tumultuar investigação e o trabalho não levar a nada e no final de tudo não haver punição por falta de provas. O presidente da CPI, deputado Andre Gadelha, disse que a Comissão já tem material suficiente para a emissão de um relatório preliminar.

Ele não citou nomes e nem deu pistas de qual poderá ser a conclusão da Comissão, mas informou que todos os documentos vão ser encaminhados a deputada Daniela Ribeiro (PP), relatora da CPI e ao deputado Frei Anastácio para uma analise preliminar.

 

 

Redação

 

  • Com paraiba.com

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe