Por pbagora.com.br

O ministro da Transparência e Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário, afirmou nesta quinta-feira (23) que nos últimos dois dias foram registradas 115 denúncias de fraude em contratações, de um total de 170 relacionadas à pandemia do novo coronavírus em todo o país. A CGU já havia recebido 2.200 denúncias desde o início da pandemia.

O ministro atribui o aumento das denúncias referentes à fraude em contratações à chegada dos recursos transferidos pela União a estados e municípios para lidar com a pandemia. ”Justamente o período em que o dinheiro começou a chegar na ponta. As aquisições iniciaram, e aí iniciam as denúncias“, declarou. O ministro afirmou que a CGU está atenta ao uso dos recursos públicos. “Que os corruptos que estejam a postos abram o, olho porque nós vamos ter uma atuação implacável”, disse Rosário, afirmando que CGU agirá em parceria com a Polícia Federal.

A primeira operação da CGU em parceria com a PF, chamada Alquimia, foi deflagrada nesta quinta-feira (23) na cidade de Aroeiras,na Paraíba. O ministro afirmou que novas operações de combate à corrupção já foram planejadas.

Rosário negou que a antecipação do pagamento da segunda parcela do auxílio-emergencial de R$ 600 tenha sido adiada para evitar casos de corrupção. Segundo ele, a CGU orientou que o governo agisse com cautela frente à uma procura acima da expectativa inicial.

 

Redação com R-7

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Jovem é morto enquanto montava o berço do filho, em Bayeux

Um homem foi morto na cidade de Bayeux no momento em  estava montando o berço do filho que está para nascer. De acordo com as informações o homem tinha 20…

Ação da Polícia Civil resulta em apreensão de 350 quilos de maconha em Bayeux

Cerca de 350 quilos de maconha foram apreendidos durante ação da Polícia Civil, no início da tarde desta quarta-feira (23), em Bayeux. Três homens foram presos em flagrante delito. O…