A Paraíba o tempo todo  |

Bombeiros aguardam retirada de estrutura de engenho comprometida por incêndio para concluir perícia

O incêndio foi de grandes proporções. E por pouco não se transformou em uma tragédia. Felizmente, bombeiros e pipeiros da região, agiram rápido, conseguiram conter as chamas e evitar a tragédia. Dois dias após o incêndio no Engenho Triunfo em Areia, no Brejo paraibano, o Corpo de Bombeiros espera a retirada da estrutura comprometida do galpão para a conclusão da perícia.

Além do Corpo de Bombeiros, estiveram presentes a Polícia Civil e também o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) para avaliar a estrutura.

 

Segundo o CB, apenas após a realização da perícia completa, será possível identificar a causa do incêndio. Há uma suspeita de que um curto-circuito teria iniciado o incêndio. Os Bombeiros falaram também sobre uma bomba que não havia passado por manutenção recentemente.

O estabelecimento, localizado no Brejo da Paraíba, produz cachaça e combustível. Além disso, é um dos principais pontos turísticos da região.

Ainda conforme os bombeiros, o incêndio atingiu uma área grande, onde ficam tanques cheios de álcool. Então, mesmo controlado, há risco de uma reignição por conta da alta temperatura no ambiente e do produto que foi derramado. Além disso, existem barris intactos que podem ser alcançados.

A proprietária do engenho, Maria Júlia estava participando de um evento em São Paulo, e quando sobre do incêndio embarcou para a Paraíba. Emocionada, ela agradeceu a corrente de solidariedade que foi formada por moradores da região para evitar que o fogo se espalhasse.

Maria Júlia e seu marido, o agricultor Augusto Baracho, montaram o engenho com R$ 15 mil recebidos de uma herança. Ela tinha dois empregos diurnos e, à noite, junto com os quatro filhos do casal, ajudava a engarrafar a cachaça que mais tarde seria vendida.

Eles foram testando o produto e hoje a empresa fundada produz 250 mil garrafas de cachaça por mês, abastecendo os estados da Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

SL
PB Agora

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe