A gangue da “marcha ré” voltou a agir em Campina Grande. Os bandidos usaram um carro para arrombar uma loja de roupas na cidade. O crime aconteceu na madrugada deste sábado (12), e segundo a Polícia Civil, o veículo usado para arrombar o estabelecimento teria sido roubado minutos antes, em Lagoa Seca. O dono da loja é o presidente da Câmara de Dirigente Lojistas, o empresário Arthur Bolinha.

A loja fica localizada na Rua Cardoso Vieira, no Centro da cidade. O grupo conseguiu entrar no local arrombando a porta principal com um carro em marcha ré, por volta das 3h.

De acordo a polícia, o bando não conseguiu roubar muitas mercadorias. Segundo ele, os suspeitos fugiram do local quando perceberam que estavam sendo filmados.
Já o dono do local, informou que pelo depoimento de um segurança que trabalha na rua, a ação dentro da loja durou cerca de um minuto. Quando os suspeitos conseguiram entrar, o alarme do estabelecimento já estava tocando há vários minutos e que isso teria os assustado.

Após o assalto, pelo menos três suspeitos que participaram da ação, fugiram do local. Até as 8h deste sábado nenhum deles havia sido detido.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PRF flagra 270 infrações de trânsito nas primeiras horas da Operação Carnaval 2020

Entre as principais infrações flagradas pela PRF estão a falta de uso de cinto de segurança e condutores não habilitados Em poucas horas da Operação Carnaval 2020, a Polícia Rodoviária…

Trio elétrico desgovernado atinge van em Soledade, na PB

Uma van foi atingida por um trio elétrico desgovernado, na cidade de Soledade, Agreste da Paraíba, durante os festejos carnavalescos. O condutor do veículo havia saído dele para fazer um…