Foi interrogado nesta terça-feira (2) pela Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) o empresário do ramo automotivo de João Pessoa que teria sumido na última semana juntamente com vários veículos de uma concessionária. De acordo com a polícia, o empresário disse que não sumiu e que estava o tempo todo em João Pessoa.

Em relação aos veículos, o homem relatou que os carros que ainda estavam na loja foram devolvidos aos proprietários. Ainda segundo o delegado Lucas Sá, o empresário ainda deve explicar detalhes de algumas negociações. Lucas Sá afirmou que não existem os requisitos para uma prisão e que o empresário teve acesso às ocorrências e terá o prazo da conclusão do inquérito para demonstrar a versão dele.

Investigações devem continuar sendo realizadas no intuito de identificar a existência de algum tipo de fraude. Ainda segundo a Polícia Civil o prejuízo pode ser superior a R$ 3 milhões. A loja funcionava na BR-230, na altura do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.

 

PB Agora

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mulher suspeita de injúria racial passa por audiência de custódia, em JP

Uma pedagoga que foi presa suspeita de injúria racial na noite dessa quinta-feira, 05, em uma lanchonete no bairro do Bessa, passará por audiência de custódia nesta sexta-feira, 06. De…

Falsos atestados médicos e certificados escolares são apreendidos pela polícia na PB

Dezenas de documentos com indícios de falsificação foram apreendidos nessa quinta-feira (05) durante uma ação realizada pela Polícia Civil na cidade de Queimadas, no interior da Paraíba. Os trabalhos, que…