Depois de uma longa espera, o motorista suspeito de atropelar cinco pessoas da mesma família em uma calçada, na cidade de Areia, no Brejo paraibano, se apresentou à Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (3). Além de Alíson Teixeira de Sobral, que dirigia o veículo, o acompanhante, Antônio José da Silva, também se apresentou com advogado na Central de Polícia Civil de Campina Grande. Os dois já estavam sendo considerados foragidos após descumprirem um acordo feito com a Polícia Civil e não comparecerem à delegacia para prestar depoimento do caso.

O delegado Gilson Teles que está a frente das investigações, conversou agora a pouco com a imprensa, mas não deu detalhes do interrogatório.

Segundo o advogado Júnior Meira, que representa a defesa dos acusados, os clientes alegam que não havia ingerido bebida alcoólica e que no momento do acidente o carro apresentou uma falha mecânica, impedindo o veículo de parar.

O atropelamento aconteceu no dia 22 de setembro. Uma menina de 6 anos, atingida pelo veículo, teve morte cerebral no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. Cinco pessoas foram vítimas do acidente. Todas elas foram encaminhadas para o Trauma. Uma mulher e um menino não resistiram aos ferimentos e morreram na unidade de saúde. Um homem também passou por uma cirurgia e uma outra criança recebeu alta.

Antônio José é o dono do carro que atropelou as vítimas, mas estava no banco do passageiro no momento do acidente. A suspeita da polícia é de que os homens estavam embriagados.

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Integrante do TCE-PB morre enquanto acompanhava filha em competição

Morreu ontem (12), a auditora de contas públicas Ana Lúcia da Silva Santos Pereira, 50 anos, vítima de infarto, enquanto acompanhava a filha Ana Beatriz, atleta da seleção paraibana no…

Prefeito de Curral de Cima relata ameaça de opositor e acusado é pego com faca

Uma ameaça vem ganhando bastante repercussão, trata-se que o prefeito de Curral de Cima, Totó Ribeiro, foi ameaçado pelo agricultor Pedro José dos Santos, mais conhecido por Pedrinho, de 20…